30 dezembro 2009

Ano Novo, Vida Nova!

FELIZ VIDA NOVA
 de Tim Archer


Todo mundo gosta de coisas novas. Se você não acreditar, olhe ao seu
redor para toda a propaganda que se vê. Produto novo. Fórmula nova.
Olhar novo. Visual novo. Gosto novo. Novo e melhor. Absolutamente
novo.

Pessoas adoram o cheiro de um carro novo. A maioria de nós sequer
sabemos como aquele cheiro é. Alguns cientistas dizem que as
substâncias químicas que compõem aquele cheiro são potencialmente
prejudiciais a nós! Mesmo assim, gostamos de desfrutar daquele aroma
que diz “Novo!” para nossos sentidos. Na realidade, as pessoas gostam
tanto disso que você pode comprar “Cheiro de Carro Novo” engarrafado
para borrifar em seu carro não-tão-novo-assim, só para enganar o seu
nariz.

Por alguma razão, gostamos também do ano novo. Há a promessa de um
novo começo. Ganhamos uma agenda nova só esperando que façamos a
nossa marca. Pelo menos, assim parece. Em algum momento, no entanto,
descobrimos que virando a página num calendário realmente não muda
nossas vidas. Os problemas que estavam lá no ano anterior não
desaparecem num passe de mágica quando o relógio toca meia-noite na
véspera do Ano novo. É um ano novo, mas somos as mesmas pessoas de
antes, vivendo as mesmas vidas de antes.

Eu quero um começo novo. Eu não quero “Cheiro de Vida Nova” borrifado
em minha velha vida; Eu quero um verdadeiro novo começo. E eu sei
onde encontrar. O apóstolo Paulo escreveu: “Se alguém está em Cristo,
é nova criação. As coisas antigas já passaram; eis que surgiram
coisas novas!” (2 Coríntios 5:17). Em outra carta, ele falou para os
cristãos em Roma: “Portanto, fomos sepultados com ele na morte por
meio do batismo, a fim de que, assim como Cristo foi ressuscitado dos
mortos mediante a glória do Pai, também nós vivamos uma vida nova.”
(“Romanos 6:4). Deus não só borrifa um cheiro novo numa velha vida.
Ele nos permite nascer novamente, enquanto nos dá uma vida
completamente nova. O velho faleceu; o novo veio.

Aqueles entre nós que estão em Cristo também podem receber aquele
novo começo. O apóstolo João escreveu: “Se, porém, andarmos na luz,
como ele está na luz, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de
Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado.” (1 João 1:7). Jesus
me purifica, limpa minha agenda, perdoa meus pecados e me permite
começar tudo de novo. Continuamente. Enquanto eu ficar em contato com
ele.

 Esta é a época do ano quando as pessoas desejam um feliz ano
novo uns para com os outros. Em vez disso, eu gostaria de lhe desejar
uma feliz vida nova, vida nova em Cristo. 



extraído de V I D A   E M   C R I S T O
    - http://www.iluminalma.com -

09 dezembro 2009

Episódio 6: Experiências com Deus

Pode até parecer mentira, mas existem pessoas que não sabem e talvez nem queiram ter experiências com Deus. Quando comecei a procurar isso em minha vida, mudei minha opinião sobre muita coisa. Vamos ver alguns fatos que nos motivaram e podem motivar vocês a isso. 
Tudo começa com sonhos. Isso mesmo. Sonhos. Sabe aquela pessoa que viaja em tudo, que sempre te ajuda a viajar, que está com a mente a todo vapor? Então esta é uma pessoa muito propícia a experimentar o melhor de Deus. Onde Deus está, há criatividade, há novidade de vida. Então, pessoas criativas tem Deus? não necessariamente.
Mas a equipe anda muito  presa, travada. Por mais que eu peça pra se soltar, não flue. Então chamei o pessoal pra uma reunião rápida pra tratar disso. Após varios minutos, percebi que ninguém gosta de ser criticado, e muito menos face a face. Tenter contornar, trazer o que foi falado como uma sugestão, mostrar vídeos de grandes equipes e não foi o suficiente para convencer. Orei, orei, orei. Mas acho que estava fazendo algo errado, então comecei a perguntar a pessoas por ai. Em conversas informais. Normalmente com pessoas de outras igrejas, outros líderes de louvor. E após um tempo, cheguei a conclusão que não adianta querermos que nossos parentes e amigos estejam por perto e para tal sejam da equipe de louvor. A salvação é individual. Então pensei em fazer algo que eu imaginava que seria bastante egoista: "Seguir uma visão que Deus tinha me dado" em um episódio anterior. Senti muitas dores, pesos nos ombros, mas Deus começou a responder minhas orações quase que instantaneamente. Orava, perguntava e alguém me trazia a resposta de Deus. Talvez quem me trazia as respostas de Deus nem soubesse das minahs aflições, mas eu sabia, e na hora Deus confirmava. É como se Ele mesmo falasse e estivesse balançando a cabeça em sinal de afirmação. Durante muitas vezes eu ficava atônito, sem saber o que falar, sem saber se eu dizia: Obrigado Senhor, ou se agradecia a pessoa, mas ela nao entenderia nada. Minha mente entrava em parafuso. Durante algumas vezes Deus me respondeu com cerca de minutos. Isso pra mim era até um pouco difícil de se saber levar. Eu confesso isso.
Minha vida havia mudado e eu não havida dado conta. "Piadas picantes" e coisas do tipo já não me faziam rir. Eu estava entrando num rumo que talvez não tivesse mais volta. Conversava com o grupo pra tentar alertá-los sobre a apostasia, sobre a democracia do grupo, e não tinha resultado. Já estava chegando ao meu ápice de busca por algo que eu não poderia dar a eles. Chegou uma hora que eu não poderia fazer nada por eles. Eu tentava mas não conseguia. procurava de todas as formas, mas não é possivel saciar a fome daquele que não quer comer. Cheguei a chorar por várias vezes e pedia a Deus que me auxiliasse de alguma maneira para que eles não ficassem pra traz. Mas desta vez, a resposta que tive foi um tanto diferente da resposta que eu esperava. 
Quando Deus te responde algo bom, da maneira que você espera é muito gostoso ne? até o não de Deus é gostoso. Mas quando Ele te diz: "Faça isso, desta forma", o choque é bem grande. A resposta que tive de Deus foi: VOE.
Fiquei pensando. Será que Ele quer que eu vá sozinho? sem a equipe? Então, desesperado, voltei a orar.
E Deus tem momentos que Ele fala, e outros que Ele espera. E chegou a hora de "silêncio do rádio". Comecei até a me desesperar. Fiquei um tempo sem ouvir da voz Dele. Comecei me afastando do microfone, com a desculpa de organizar o audio, fiquei no louvor de Quinta feira apenas. Até minhas leituras diárias, não fazia mais. E nem escrevi aqui, porque não tinha o que passar. Estava vazio.
Passei várias semanas assim. Sem vontade, apenas observando e querendo saber o "para que" de Deus nesse momento. Então após muito tempo, Deus me falou novamente. 
Eu estava em um show e após algumas ministrações de oração e profecias o pastor falou assim: 

Você que está aí em cima. Se você pensa que Deus não está te vendo, Ele diz que te vê. Siga teus sonhos, que são os sonhos de Deus. Ele tem algo muito grande para te entregar, mas você tem que seguir os planos, siga os sonhos.
Fiquei pasmo. a poucos segundos antes eu havia pensado: Ele vai profetizar apenas pro pessoal que está lá perto, ele nem vai me ver aqui. Na hora fiquei todo arrepiado, comecei a orar e sentir a presença de Deus de uma forma que nunca havia sentido. Orei mais intensamente, pensei em muitas coisas e voltei a sonhar com meu ministério. Chorei. Ajoelhei e chorei. Pedindo perdão por ser tão fraco e incapaz. Mas me coloquei na presença novamente.  Me debrucei no altar de Deus. Queria entrar no santo dos santos e ficar alí para sempre. A presença de Deus é muito gostosa. Ela te renova a cada manhã. Deus é muito bom!

Não perca o próximo episódio: O reencontro com o Muro
Nesta semana leia: João 3 : 14 - 17
___________________________________________
Leia um  vale a pena: Clique aqui e escolha